intensivo grooves e viradas

DE 04 A 09 DE ABRIL

Do iniciante ao avançado, aprenda a aplicar os rudimentos na bateria e tenha um leque de grooves e viradas que vão te permitir improvisar com segurança, autenticidade, coordenação e dinâmica, tornando você um baterista mais versátil e independente para interagir musicalmente.

Entre para o Grupo VIP do Intensivo Grooves e Viradas:

O QUE VOCÊ VAI APRENDER

Durante o Intensivo, você terá 10 aulas gratuitas e terá acesso ao método ideal para dominar os Grooves e Viradas a partir dos Rudimentos, desenvolvendo técnica, coordenação motora e a sua linguagem própria, independente do seu nível.

COMO MIKE PORTNOY USA OS RUDIMENTOS NO DREAM THEATER

QUINTA-FEIRA 04/04​

20H

QUAL É O SEGREDO DO GROOVE DO CHAD SMITH?​

SEXTA-FEIRA 05/04

20H

COMO IMPRESSIONAR OS BATERAS DA IGREJA

DOMINGO 07/04

15H

A MÁGICA DO RINGO STARR NOS BEATLES

SEGUNDA-FEIRA 08/04​

10H

COMO FAZER "FIRULAS" NO CHIMBAL

SEGUNDA-FEIRA 08/04​

14H

ENTRANDO NA MENTE DE JOHN BONHAM​ - QUAL É O SEGREDO?

SEGUNDA-FEIRA 08/04​

20H

RUDIMENTOS EM TODOS OS ESTILOS - REGGAE, SAMBA, SALSA, BAIÃO..

TERÇA-FEIRA 09/04​

10H

O LICK QUE TORNOU NICKO MCBRAIN UMA LENDA NO IRON MAIDEN

TERÇA-FEIRA 09/04​

14H

A VIRADA DO ALEXANDRE APOSAN QUE MARCOU UMA GERAÇÃO SÓ COM 2 RUDIMENTOS

Aniversário do Pedro

TERÇA-FEIRA 09/04​

20H

COMO COLOCAR TUDO EM PRÁTICA - EXCLUSIVA PARA LISTA DE CONVIDADOS VIP

QUARTA-FEIRA 10/04

20H

Conheça quem vai te ensinar!

Olá, sou Pedro Tinello!

Eu comecei a tocar bateria com um ano de idade e nunca mais parei. Sou músico e vivo isso 100% do meu tempo. Com 14 anos, comecei a dar aulas de bateria e já dei aula para centenas de alunos. Aos 18 anos, passei em primeiro lugar na ULM (Universidade Livre de Música do Estado de São Paulo). E lá, fui aluno de renomados professores como Lilian Carmona e Toniquinho.

No ano de 2014, fundei o “INSTITUTO TINELLO DE MÚSICA” que fica em Santos-SP. Em 2015, entrei para a banda ALMAH (EDU FALASCHI – EX ANGRA). No ano seguinte (2016), gravei o álbum E.V.O, onde no mesmo ano, fui eleito o segundo melhor baterista de Heavy Metal do Brasil, segundo leitores da maior revista de Rock da América Latina, a ROADIE CREW.